Destaques Entrevistas Grêmio

Em entrevista exclusiva, Douglas lembra passagem pelo Tricolor: “O Grêmio me representa tudo”

Meia concedeu entrevista para um site de esportes e relembrou sua passagem pelo Imortal
Compartilhe

Todos os gremistas guardam um enorme carinho pelo Maestro Pifador, então o meia Douglas concedeu uma breve entrevista ao site Zona Mista e falou da sua trajetória no Grêmio.

Atualmente no Brasiliense, o maestro Douglas explica sua saída do Grêmio em 2018.

“Obviamente que eu queria ter continuado no Grêmio naquele momento. Mas a decisão na verdade não foi minha. Acharam que a minha saída era necessária e eu aceitei numa boa. Mas o meu carinho e o respeito por toda a diretoria e pela comissão técnica continuam enormes.” – Douglas.

Ainda sobre sua passagem ao clube, Douglas lembra da sua primeira lesão de ligamento no joelho logo no início de 2017 e que poderia ter outro desfecho na sua carreira.

“Olha… sem dúvida nenhuma, essa lesão realmente acabou com minha sequência no clube. Só que eu nunca fui de ficar me lamentando pelas coisas ruins que vieram a acontecer na minha vida e na minha carreira. Até porque com certeza eu tenho muito mais coisas positivas do que negativas na minha carreira.” – Douglas.

Para fechar a entrevista, o Maestro Pifador não deixou de ressaltar seu carinho pelo torcedor e como o Grêmio foi importante em toda sua carreira como jogador profissional.

“O Grêmio me representa tudo. Eu tinha vindo do Vasco de 2014 pra 2015 e tínhamos acabado de conseguir o acesso pra Série A. Ficamos em terceiro naquela Série B de 2014. Eu lembro que, na época, houve um questionamento até pela idade que eu tinha, de 32 pra 33 anos. Mesmo com tudo isso, o Grêmio, em especial o presidente Romildo, junto com o Rui Costa (diretor-executivo na ocasião) e o Felipão bancaram a minha vinda para o clube. A partir daí, pude mostrar que ainda tinha muito futebol pra mostrar. Por isso eu digo que o Grêmio representa muito pra mim.” – Douglas.

Douglas atuou com a camisa do Gremio de 2010 até 2012 e de 2015 a 2018. Em 253 partidas, o jogador marcou 45 gols. Douglas foi campeão da Copa do Brasil (2016), Libertadores (2017) e Bicampeão Gaúcho (2010 e 2018).

Divulgação | Lucas Uebel
Divulgação | Lucas Uebel

Compartilhe

Você vai gostar disso